O AMBIENTE DE CUIDADO ALFACORPORAL

Tomando como base as questões que surgem da presença de pessoas com dores, física e mental, habitando corpos que não aceitam a impermanência das próprias ações diante de uma vida transitória, assumimos como pressuposto que o diálogo entre várias áreas da saúde e educação pode constituir determinado ambiente e ser constituído por um ambiente de cuidado. Esse ambiente de cuidado se desdobra em ambientes terapêutico e educacional sem nunca deixar de participar deles.

O Método Corpo Intenção e a Técnica de Alfabetização Corporal instrumentalizam o profissional para oferecer esse ambiente de cuidado, o qual instala campos de práticas para o fortalecimento de condições que vão manejar a vida. O profissional, educador e terapeuta, vai formar, com o vivente em atendimento, o ambiente de cuidado que acomoda fluxos de vida e, desta circulação, vai encaminhar os acontecimentos para possíveis soluções da forma de quem vive.

O ambiente de cuidado e sua denominação Alfa estão relacionados com a linguagem corporal e seus desdobramentos em outras formas de linguagem.

Alfa é um símbolo associado à origem, ao alfabeto e à linguagem. Alfa - A, α - é a primeira letra do alfabeto grego, um dos primeiros alfabetos. Nesse sentido, a presença da letra alfa faz referência à linguagem corporal e seus desdobramentos em linguagens gráfica, oral e escrita.

Para o ambiente de cuidado Alfacorporal, o terapeuta ou educador deve apreender determinado começo. Trata-se de ser capaz de acomodar o começo que se confirma na constante integração do novo, um começo que insiste em seguir a vida na sua dinâmica e impermanência.

O começo presente nas mortes simbólicas; no movimento de nascer, viver, morrer e, novamente, nascer. Movimento este que não cessa até que alcançamos a totalidade Alfa e Ômega, o possível encontro com Deus, a totalidade presente no fim do movimento que só chega com a morte literal.

No desenvolvimento do bebê, por exemplo, a linguagem corporal vai surgindo durante o processo de integrar e articular as partes do corpo dele. Inicialmente, observamos os movimentos reflexos e involuntários e essa é a base primária para a constituição da linguagem corporal. O processo para a aquisição da linguagem corporal, oral e escrita se dá no encontro com o outro e no encontro entre partes em si.

Usar a palavra Alfa propõe a aproximação do ambiente de cuidado ao diálogo com a história. Palavras como diálogo, narrativa, ponto de partida, história, linguagem, movimento, orientam o Ambiente de Cuidado Alfacorporal. Essas são as orientações que a escolha da palavra Alfa, do nome Alfacorporal, destacam no ambiente de cuidado que se pretende instalar.

 Instituto Corpo Intenção RE-8747-SP

Rua Sergipe, 441, cj. 82 - Higienópolis - 01243-001 - São Paulo - SP

metodocorpointencao@gmail.comTel.: 11 3663-5000

CNPJ: 19.250.151/0001-26

© 2018 by Instituto Corpo Intenção. Proudly created by Natalie Calderini